sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Relatório e contas 2007/2008

Aqui está o valor que tanto tem por explicar aos sócios do Vitória: 1.754.468,82€!!


Foi precisamente este o montante em que foi aumentado o passivo do Vitória durante a época 200/2008. Segundo o mesmo relatóri este valor deve-se sobretudo a custos com pessoal, o que não é estranho tendo em conta os valores auferidos por algumas pessoas no departamento de futebol do Vitória.
Um pequeno exercício: juntamos os ordenados de Lucas, Diogo, Lionn e Dinis e estes não chegam para pagar o ordenado de uma pessoa que trabalha neste departamento, não serão precisas muitas explicações pois a seu tempo, os poucos que não chegarem lá, vão ficar a saber o real valor auferido pela dita pessoa.


Mas como se já não fosse grave o aumento do passivo, podendo no futuro causar enormes problemas ao Vitória, o Sr.Presidente da direcção tem a lata de dizer que o mesmo se encontra controlado e que o manisfesto eleitoral por ele apresentado aquando da sua candidatura está a ser cumprido na intragra. Mas então diga-me Sr.Presidente, onde está a ser cumprida a parte em que se comprometia a reduzir o passivo do Vitória em 40%? Vai fazer isso tudo no seu último ano de mandato, ou vai novamente deitar as culpas para alguém?


Outro ponto que necessita de ser esclarecido é o porquê que depois de tanto alarido, pelas mesmas pessoas que hoje estão à frente do clube, de que o Vitória ter caído na segunda liga podia ser o seu fim financeiramente, consegue no ano em que regressa ao escalão máximo do futebol português abrir ainda mais um buraco que por si só já não era pequeno.

Sem comentários: